Idioma
O Meu Carrinho 0

O que é o FDM? (Fused Deposition Modeling)

Impressão 3D - FDM

O termo FDM nasceu nos finais dos anos 80 e é, atualmente, a tecnologia de impressão 3D mais utilizada no mundo. Quando foi criada, esta tecnologia servia para a construção de máquinas, mas depois de algumas transformações ao longo de toda a sua evolução, o FDM é hoje um processo de fabrico e produção de peças de dimensão estáveis.

A produção das peças é feita através de um processo de extrusão onde o objeto é construído depositando o material amolecido camada por camada. Os materiais utilizados são os filamentos termoplásticos. Estes materiais são introduzidos numa impressora 3D que é programada com a temperatura que é necessário atingir. Assim que a mesma atinge a temperatura ideal, o processo inicia-se e o material começa a amolecer. Conforme referido anteriormente, este material, depois de amolecido, é depositado camada por camada em locais determinados onde arrefece e solidifica. Este é um processo repetitivo, que exige várias passagens até que as peças fiquem completas.

Recentemente, a Reiman lançou o seu serviço de fabrico aditivo - RMN Additive – e há uma forte aposta no processo FDM. Como tal, a mesma disponibiliza um conjunto de materiais compatíveis com o processo, desde os mais utilizados até aos menos comuns constituindo assim uma oferta mais alargada.

Os materiais utilizados neste processo podem variar entre:

  • Termoplásticos de mercadorias;
  • Termoplásticos para engenharias;
  • Termoplásticos de alto desempenho.

Materiais com os quais a RMN Additive trabalha:

PETG – Polietileno Tereftalato Modificado com Glicol

Este é um material com uma durabilidade significativa, o que o torna ótimo para a impressão de componentes mecânicos. Para além das suas excelentes características de processamento, possui também alta resistência e maleabilidade, boa resistência ao calor, baixa expansão térmica e grande resistência à água. Aplica-se maioritariamente em:

  • Componentes mecânicos
  • Componentes impermeáveis
  • Peças do dia a dia

    PC - Policarbonato                                                                                                          

    Este é um material bastante durável, com alta tenacidade de impacto e resistência ao calor. Como é um plástico de engenharias, é maioritariamente utilizado para aplicações mais robustas como:

    • Peças de alta resistência
    • Impressões resistentes ao calor
    • Compartimentos para componentes eletrónicos

      ABS / ASA- Acrilonitrila Butadieno Estireno / Acrilato de Acrilonitrila e Estireno                                                                                                          

      Estes são materiais com propriedades mecânicas muito semelhantes, no entanto o ASA é mais resistente aos raios UV. Par além disto, o ASA é também bastante resistente ao calor, à humidade e ao impacto. Este material é maioritariamente utilizado para:

      • Componentes para o exterior
      • Coberturas e caixas de proteção
      • Peças de substituição
      • Protótipos

        PLA- Ácido Polilático                                                                                                      

        O Ácido Polilático é um termoplástico biodegradável ideal para o fabrico de objetos grandes e detalhados devido à sua baixa expansão térmica. Não deve ser utilizado em peças que necessitem de resistência térmica, uma vez que começa a perder resistência mecânica a cerca de 60ºC. Este material é maioritariamente utilizado para:

        • Adereços decorativos e de cosplay
        • Protótipos
        • Brinquedos e figuras de ação
        • Montagens com precisão dimensional

          Nylon                                                                                                 

          O Nylon é um plástico muito forte e rígido com excelente resistência térmica e química. Com boas propriedades autolubrificantes, este material tem um grande isolamento elétrico e é resistente à corrosão, tornando-se assim muito útil para as seguintes aplicações:

          • Engrenagens, parafusos e porcas
          • Abraçadeiras
          • Caixas elétricas

            Nylon com microfibras de carbono                                                                                           

            Este material resulta da fusão do Nylon com microfibras de carbono. É um material bastante versátil que oferece resistência mecânica, tenacidade e resistência química ao mesmo tempo que produz peças precisas com um acabamento superficial impecável e ainda com estabilidade dimensional. Desta forma, é maioritariamente aplicado em:

            • Substituição de peças plásticas
            • Montagens de sensores
            • Protótipos Cosméticos

              Vantagens                                  

                                                                     

              • Rapidez - Devido à quantidade tecnologias disponíveis para este processo, o FDM tem uma produção muito rápida e, consequentemente, prazos de entrega curtos (quando se trata de pequenos lotes).
                • Versatilidade - A natureza dos materiais deste serviço pode ser muito distinta entre os mesmos e por isso, através do FDM é possível obter protótipos, modelos e objetos completamente distintos uns dos outos
                  • Precisão - Este processo tem a capacidade de produzir geometrias muito complexas e ainda criar furos internos que seriam inalcançáveis com outras tecnologias.
                      • Baixos custos - A rápida capacidade de produção, aliada com as melhores tecnologias aos preços mais baixos e consumos mais eficientes, tornam este serviço bastante acessível a nível de preço.
                        • Eficiência - É um processo amigo do meio ambiente e eficiente, uma vez que quase não provoca ruídos e tem um consumo muito eficiente.

                        Para mais informações, contacte a equipa especializada da Reiman.

                        Contactos

                        Tel.: +351 229618090

                        comercial@reiman.pt | additive@reiman.pt

                        Artigos Relacionados